Últimas Notícias

novo blog

Postado por on maio 25, 2013 em Notícias | 0 comentários

A partir da posse, ocorrida no dia 22/05, passamos a direcionar nossas postagens para outro blog, no endereço http://conselhocorreios.blogspot.com .
Manteremos temporariamente este endereço – http://parafazeracontecer.com.br/blog – com o material de campanha, para eventuais consultas de nossos colegas, mas não incluiremos novas postagens no futuro.

Promessa cumprida e compromisso assumido.

Postado por on maio 23, 2013 em Notícias | 0 comentários

Com a posse no Conselho de Administração ocorrida ontem, encerramos uma etapa na qual procuramos nos comunicar intensivamente com nossos colegas para apresentar de forma detalhada e transparente nossas ideias e propostas.Agora começa a etapa seguinte, na qual colocaremos em prática o que projetamos.Na reunião de ontem (22/05) do Conselho, entregamos nas mãos de cada um dos demais conselheiros uma correspondência com o texto apresentado a seguir, contendo o posicionamento que procuraremos defender.E, como prometido na campanha, ativamos o blog “Fazendo Acontecer no Conselho”, no endereço http://conselhocorreios.blogspot.com . Todos os trabalhadores já contam, portanto, com esse primeiro canal de contato direto com o conselheiro, no qual serão divulgadas informações e recebidas as consultas ou sugestões de nossos colegas.

Foi uma grande honra termos sido escolhidos pela maioria dos ecetistas para representá-los no Conselho. E agora vamos procurar corresponder às expectativas.

Marcos César e Carlos Barbosa

………………………………………………………………………………………..

– Texto entregue aos conselheiros na reunião de 22/05/2013 –

Primeiro trabalhador eleito para o
Conselho de Administração da ECT

Representar os empregados no mais alto órgão de administração da ECT é uma grande honra. Assumo o compromisso, juntamente com meu suplente – Carlos Barbosa, de colocar minha experiência profissional de mais de 30 anos de trabalho – em Diretorias Regionais e na Administração Central – à disposição do Conselho de Administração, para ajudar a defender ideais de uma Empresa mais forte, moderna, humana, participativa e com mais oportunidades para todos.

Procurarei estar bem inteirado da situação geral da Empresa, de seus problemas operacionais, de seus negócios e de sua situação econômico-financeira, e avaliarei sempre os impactos que as decisões trarão para os mais de 120 mil trabalhadores e suas famílias. Quando for necessário, conversarei com os demais conselheiros para mostrar-lhes nosso ponto de vista.

Estarei atento ao cumprimento de nossas obrigações de universalização dos serviços postais básicos, as quais, em essência, representam a razão de ser da existência da ECT como empresa pública.Isso deverá se dar, entretanto, com o adequado dimensionamento e reposição de efetivo, e nunca com o sacrifício pessoal de Carteiros, Atendentes, OTTs etc, submetidos a cargas de trabalho além de suas reais possibilidades.

Não descuidarei, também, de orientar, acompanhar e cobrar o desempenho da direção da ECT, para garantir a implementação das estratégias e ações planejadas, especialmente daquelas que, de uma forma ou outra, tenham impacto significativo para os trabalhadores. Mais trabalho e mais produtividade tem de andar juntos; não podem significar mais sacrifício para o trabalhador.

No Conselho, seguirei, portanto, algumas diretrizes básicas de atuação:

– Propor e apoiar ações, projetos  e decisões que fortaleçam a Empresa, contribuindo para seu crescimento e para o bem-estar de seus empregados.

– Demonstrar que os interesses dos trabalhadores podem ser conciliados com os interesses empresariais, de forma que o desenvolvimento da ECT se dê pela capacitação e desenvolvimento, pela valorização e pleno aproveitamento das pessoas, em todos os níveis, e nunca por sua exploração ou discriminação.

– Sustentar que a ECT possui pessoas qualificadas para liderar os projetos e ações necessárias à construção do futuro da Empresa.

– Motivar e unir os ecetistas na causa comum de construir uma Empresa cada vez mais forte.

– Fazer acontecer!

Brasília, 22 de maio de 2.013

Marcos César Alves Silva

Representante dos empregados no Conselho de Administração toma posse na AC (notícia da ECT)

Postado por on maio 23, 2013 em Notícias | 0 comentários

 Posse de Marcos César no CA.
Foto: Mariângela Lopes/ Correios

22/5/2013 –

Na manhã desta quarta-feira, no Gabinete da Presidência, o Conselho de Administração dos Correios empossou o membro representante dos empregados, Marcos César Alves Silva, e o seu suplente, Carlos Alberto de Souza Barbosa.

A eleição marcou um momento histórico na empresa: é a primeira vez que haverá uma representação dos empregados em uma instância superior de decisão dos Correios. A chapa vencedora conseguiu 18.747 votos.

Para Marcos César, sua principal missão será levar para os demais conselheiros a visão dos empregados, que deverá ser considerada nas tomadas de decisões. “O objetivo é trazer elementos do dia-a-dia da empresa para enriquecer as discussões do órgão. É uma maneira de somar a experiência de trabalhador com a de membro do CA”, ressaltou.

A chapa usou um blog para divulgar suas propostas de campanha. Marcos César pretende manter a ferramenta como espaço aberto de diálogo com os empregados.

O representante empossado ainda acrescentou que não adianta apenas ser a pessoa que discorda, mas aquela que conduz o ponto de visto com argumentos, informações e conhecimentos. “Nós fizemos uma campanha bastante completa, conversamos pessoalmente com milhares de colegas. Vencer as eleições é resultado desse esforço”, disse.

ECT tem novo estatuto

Postado por on maio 20, 2013 em Notícias | 0 comentários

Nas apresentações recentemente realizadas sobre o novo estatuto em Recife e em Porto Alegre, o conselheiro eleito pelos trabalhadores, Marcos César Alves Silva, informou que em breve teríamos um novo estatuto, especialmente para ajustar algumas disposições decorrentes da Lei nº 12.490/11.

O Decreto nº 8.016, publicado no D.O.U. de 20 de maio de 2.013, trouxe o novo estatuto da ECT.

A reformulação do estatuto vigente, implantado em 16 de maio de 2011, era necessária para introduzir algumas disposições da Lei n º 12.490/11, a saber:

– necessidade de aviso à Câmara dos Deputados e ao Senado Federal sobre a constituição de subsidiárias e a aquisição de participação em empresas;

– vedação das empresas adquiridas ou constituídas pela ECT atuarem no serviço de entrega domiciliar de que trata o monopólio postal;

– alteração do prazo de gestão dos membros do Conselho de Administração e da Diretoria Executiva de 2 para 3 anos;

– definição de que, em âmbito regional, as funções gerenciais e técnicas serão exercidas exclusivamente por empregados do quadro de pessoal permanente da ECT;

– aplicação subsidiária à ECT da Lei 6.404/76.

O novo estatuto da ECT pode ser lido na íntegra em

http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2013/Decreto/D8016.htm

Nota divulgada internamente pela ECT sobre as eleições do CA

Postado por on maio 16, 2013 em Notícias | 0 comentários

Chapa 3 vence a eleição para representante de empregado no CA

Foto da solenidade de apuração das eleições para o CA

Candidatos, Comissão Eleitoral, membros da VIGEP e empregados durante a apuração do resultado das eleições. Foto: Caio Nantes/ Correios

16/5/2013

Nesta quarta-feira (15), foi apurado o resultado da eleição de membro dos empregados no Conselho de Administração dos Correios. A votação foi encerrada às 18h e às 18h30 a Comissão Eleitoral, acompanhada pelos candidatos e por empregados, acessou o sistema de votação. A chapa 3 – União para Fazer Acontecer, formada por Marcos César Alves Silva e Carlos Alberto de Souza Barbosa, foi a vencedora com 18.747 votos. A Atuação Sindical de Luiz Carlos Vargas e Djalma Vieira da Rocha obteve 14.155 votos neste segundo turno. O documento com o resultado já pode ser acessado desde ontem pelo hotsite das eleições.

O candidato eleito, Marcos César Alves Silva, destacou o contato direto com os empregados como importante ferramenta de atuação, que será adotada em sua gestão. A chapa 3 usou um blog para divulgar suas propostas de campanha. Agora o empregado eleito deve manter a ferramenta como espaço aberto de diálogo com os empregados.

Participação – O coordenador da Comissão Eleitoral, João Avancini, parabenizou o trabalho de todos os envolvidos na organização do processo eleitoral. “Conseguimos a mobilização de mais de 38 mil empregados no segundo turno”, destacou ressaltando a legitimidade do processo pela ampla participação dos empregados.

Em 2012, a Petrobras também realizou sua primeira eleição para escolha de representante dos empregados no CA daquela empresa e 27% dos eleitores exerceram o direito de voto. Nos Correios, a participação foi de 34,68% dos empregados que estavam aptos a votar.

Dentre as Diretorias Regionais, o maior engajamento foi no Espírito Santo, com 76% de participação. Roraima, Amazonas, Minas Gerais e Rio Grande do Sul foram os outros Estados com maior percentual de votantes, varindo entre 42% e 48% de participação. A Administração Central teve 48% de adesão.

Momento histórico – O vice-presidente de Gestão de Pessoas, Larry Medeiros, destacou a importância dessa primeira eleição de empregado-conselheiro. “Este é um momento importante para a democracia dos processos internos quando elegemos, pela primeira vez, o membro que irá participar da instância máxima de decisão dos Correios”, declarou Larry.

O vice-presidente também destacou a parceria do Instituto de Seguridade dos Correios, Postalis, que garantiu o funcionamento do sistema para registro dos votos dos empregados. Os eleitores e candidatos puderam acompanhar o número de votos ao longo de todo o processo pelo votômetro.

A homologação do resultado das eleições deve ser realizada após o prazo para interposição de recursos, que vai até 17/5. A posse do candidato eleito deve ocorrer até 30 dias após a homologação.

Agradecimento

Postado por on maio 16, 2013 em Notícias | 0 comentários

Prezados Colegas,

Hoje (16/05) terminou uma etapa importante do exercício democrático de escolha do representante dos trabalhadores no Conselho de Administração da Empresa. A expressiva quantidade de mais de 38.000 ecetistas participou da votação e a Chapa 3 recebeu os votos da maioria dos trabalhadores dos Correios.

Após a efetiva posse, iniciaremos uma nova etapa na qual nos empenharemos em oferecer a todos os ecetistas uma representação à altura das expectativas e da confiança que foram depositadas em nossa candidatura.

Manteremos, desde o primeiro dia de atuação, um canal de contato direto para envio de sugestões e indagações e também para divulgação aos trabalhadores da atuação do Conselho de Administração. E nossas propostas passam agora a ser compromissos de atuação.

Agradecemos aos colegas que depositaram sua confiança na Chapa 3, que divulgaram nossas ideias e propostas, que nos apoiaram nos emprestando sua credibilidade junto a seus conhecidos, que nos incentivaram a seguir em frente diante das adversidades e que acreditaram que dois trabalhadores sem viés político ou sindical poderiam vencer uma eleição dessa magnitude e importância. Sem esse apoio de nossos colegas, não teríamos nem iniciado nossa jornada e muito menos chegado à vitória.

A vitória da eleição de hoje é de todos! Temos finalmente nosso representante eleito e o Conselho de Administração poderá contar agora com a experiência de quem conhece profundamente os Correios para balizar suas decisões levando em conta as expectativas e aspirações dos trabalhadores.

Vamos em frente, para FAZER ACONTECER !

Marcos César e Carlos Barbosa

PLR – Participação em Lucros e Resultados

Postado por on maio 10, 2013 em Notícias | 0 comentários

Um tema que tem aparecido com frequência nas mensagens recebidas pela Chapa nº 3 é a PLR. Muitos colegas questionam por que sempre há essa dificuldade para se concluir os acertos dos cálculos da PLR e também a demora no pagamento.

Sobre este tema, também temos uma posição clara e definida.

Primeiramente, cada trabalhador deveria saber no início de cada ano quais os valores mínimos e máximos que poderia receber de PLR, caso os resultados financeiros da Empresa fossem positivos.

Além disso, o cálculo da PLR deveria ser simples, compreensível e respeitar a contribuição de cada trabalhador para os bons resultados da Empresa.

A negociação entre empresa e sindicatos sempre fica mais difícil quanto mais variáveis são utilizadas para construir o modelo de PLR, inclusive abre espaços para o jogo de poder e outros interesses que são colocados na mesa de negociação.

PLR é para ser um tema bom e positivo, que motive todos os trabalhadores a quererem que a Empresa se desenvolva cada vez mais. E, por isso, precisa ser simples, justa, estável e bem entendida por todos.

Sua decisão de hoje determina o futuro.

Postado por on maio 10, 2013 em Notícias | 0 comentários

Uma coisa que aprendemos desde cedo em nossas vidas é que quando deixamos de decidir algo importante pra gente e não tomamos as atitudes necessárias o futuro nos cobra. Assim ocorre na vida familiar, na vida escolar, no trabalho, na religião, na cidadania.

Por isso, decidimos entrar nessa luta, para concorrer na eleição do representante de todos os trabalhadores da empresa no Conselho de Administração. Seremos representantes dos sindicalizados ou não sindicalizados, dos chefes e dos empregados, dos que trabalham nas agências, nos centros de distribuição, centros de tratamento e de transporte, das áreas administrativas, de todas as Regionais e da Administração Central, pois acreditamos que só assim, com a união de todos, poderemos Fazer Acontecer.

Estamos chegando ao final do período de votação. Se você ainda não se decidiu, não perca mais tempo, escolha a Chapa 3 e vote! Participe! Ajude a construir o nosso futuro.

O POSTALIS e o nosso futuro

Postado por on maio 10, 2013 em Notícias | 2 comentários

Em diversas mensagens e contatos que temos recebido nesta campanha um tema é recorrente – o POSTALIS. Com relação ao nosso instituto de seguridade, nossas posições são claras e objetivas.
Primeiramente, é necessária gestão profissional na Diretoria, com participação ativa dos empregados e beneficiários nos órgãos de controle e de fiscalização, ou seja, no Conselho Deliberativo e no Conselho Fiscal. Nada de interferência e indicações político-partidárias, nada de interferência governamental. Isso é atrasado e serve apenas a interesses de grupos que não estão preocupados com a saúde econômica do Instituto e muito menos com o nosso futuro.
Outro ponto diz respeito a quando há desequilíbrio financeiro e atuarial no POSTALIS. Nestas ocasiões, nós somos duplamente penalizados: com o aumento das contribuições e com a redução da participação nos lucros da empresa, pois esta também tem seus resultados reduzidos pelo ônus de contribuir com valores adicionais. Pensamos que esta situação tem que ser corrigida e logo, de forma que em 2013 e nos anos seguintes não passemos pela mesma situação de 2011 e 2012. Outros fundos estão conseguindo superar suas metas; o nosso precisa fazê-lo também.
E, por fim, consideramos indispensável haver maior transparência nos objetivos da gestão e na prestação de contas, de forma que possamos compreender bem o que está sendo feito com nosso patrimônio.
Marcos César  e  Carlos Barbosa
União Para Fazer Acontecer
Chapa nº 3
————————————————————————————————–
Ainda não recebeu sua senha?    Siga o roteiro abaixo para obter a sua e votar:
1. acesse https://eleja.postalis.org.br 
2. clique em “Esqueci minha senha” ; surgirá o formulário para requerer a nova senha;
3. preencha os campos apresentados com seus dados profissionais (email, telefone etc);
4. você receberá um e-mail de “Sistema de Eleições [eleja@postalis.com.br]” com a senha para votação (essa senha deve ter 10 dígitos);
5. acesse novamente https://eleja.postalis.org.br e complete os dados, incluindo sua senha;
6. preencha o formulário, siga as instruções e vote na chapa nº 3, “UNIÃO PARA FAZER ACONTECER”

O papel do gestor nas eleições do Conselho de Administração

Postado por on maio 1, 2013 em Notícias | 0 comentários

Nas eleições para o Conselho de Administração da Empresa, nós da chapa nº 3 temos uma grande expectativa com relação ao papel dos gestores, que será fundamental para o sucesso das eleições.

NEUTRALIDADE – Acreditamos que os gestores devam ter uma postura de neutralidade, permitindo que os colaboradores façam democraticamente suas escolhas, sem nenhuma pressão.

ORIENTAÇÃO – É importante que os gestores estejam bem informados sobre o processo eleitoral para poderem orientar seus auxiliares. Alguns pontos importantes do processo são:
– cargo em disputa: representante dos empregados no Conselho de Administração da Empresa; embora o site utilizado seja do Postalis, a eleição nada tem a ver com aquele instituto, que apenas emprestou seu sistema de votações para a ECT;
– período e forma de votações: de 1º a 15 de maio, exclusivamente pela internet
– quem pode votar: todos os empregados admitidos até 14/03/2012 e em pleno exercício naquela data (não estavam afastados por mais de 15 dias na data que foi instalada a Comissão Eleitoral); assim os empregados admitos há cerca de um ano atrás ou menos não receberão senhas e não poderão votar nestas eleições
– chapas que concorrem: no segundo turno concorrem apenas duas chapas (e 11); a numeração das chapas é a mesma utilizada no 1º turno, quando haviam 67 chapas na disputa;
– mandato (período de gestão): será de dois anos;
– composição atual do Conselho de Administração da Empresa: Ministro das Comunicações, Presidente da ECT, 3 conselheiros indicados pelo Ministério das Comunicações e 1 conselheiro indicado pelo Ministério do Planejamento; o Conselho é presidido pelo Ministro das Comunicações; o novo conselheiro eleito será, portanto, o 7º membro do colegiado;
– o que faz o Conselho de Administração: delibera sobre temas como planejamento estratégico, planos de investimentos, tarifas e preços, estrutura da ECT, criação de subsidiárias, aquisição de empresas, além da fiscalização do trabalho da Diretoria Executiva.

EQUIPAMENTOS PARA VOTAÇÃO – É fundamental que os empregados possam votar de forma rápida e simples na própria unidade. Uma prática que vimos em alguns locais e que facilita o processo é já deixar um ícone na área de trabalho dos equipamentos a serem utilizados apontando para o site das eleições, que é: https://eleja.postalis.org.br/

DÚVIDAS – Eventuais dúvidas sobre a eleição poderão ser dirimidas junto às subcomissões eleitorais. A seguir link com a relação das subcomissões: Subcomissões Eleitorais